O centro da Vida - Jó Cap. 37

Aí esse capítulo 37! Fim dos discursos dos amigos de Jó. Fim dos diálogos acerca dos motivos que levaram o pobre Jó a sofrer tanto quanto sofreu. Tantas palavras ditas ao vento. Tantas coisas que não precisavam ser ditas e foram. A história vai quase chegando ao fim e eu já começo a sentir saudades de Jó, da paciência com que Deus agiu até esse momento, em não ter, assim como muitos de nós teria feito, brigado com as pessoas que estavam, falando coisas sem sentido. Saudades até dos amigos de Jó, que mesmo não sendo tão bons para com ele, me fizeram perceber que afinal eu sou como eles. Mas que pela graça de Deus possamos reconhecer nossa pequenez. Reconhecer que, assim como eles acreditavam estar certos sobre todas as coisas diziam, e não estavam, pode ser que também não saibamos. Como é difícil aceitar isso. E por mais que demore a reconhecermos nosso lugar na história da vida, que possamos reconhecer a Deus como Senhor das nossas vidas. Que Ele seja o centro hoje, amanhã e eternamente.

Jó Cap. 37
Se você ler o capítulo do dia, sua leitura será mais rica ♥ 

You Might Also Like

2 comentários

  1. Vou sentir saudade dos textos sobre Jó, e ver como somos um pouco de história. Deus nos molda todos os dias, e que possamos ser fiéis a qualquer custo como Jó foi!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém querida Gi. Eu também vou sentir muita falta!

      Excluir